O Que Fazer
Home > Visitar > O Que Fazer > Rede Municipal de Percursos Pedestres

Rede Municipal de Percursos Pedestres

ROTA DOS GALHARDOS

PR 1 GVA

Partida e chegada: Folgosinho

Âmbito: Ambiental, Cultural e Desportivo

Tipo de percurso: De pequena rota, por caminhos tradicionais.

Distância a percorrer: 11,2 Km.

Nível de dificuldade: Médio

Desníveis: Medianamente acentuados.

Época aconselhada: Todo o ano

A “Rota dos Galhardos” é um percurso pedestre que aproveita em grande parte o troço de duas calçadas romanas, uma delas com a designação de Galhardos e a outra de Cantarinhos. É um percurso de Pequena Rota (PR) que se realiza em plena Serra da Estrela e que envolve apenas a freguesia de Folgosinho, como ponto de partida e de chegada.

Partindo do Largo da Fonte do Gorgulhão, em direção à Serra, logo chegamos ao Largo dos “lavadouros públicos”. É junto aos tanques que começa a denominada “Rota dos Galhardos”, nome de pequenos demónios que, segundo a lenda, fizeram a calçada numa noite, a qual devido à sua inclinação, só poderia ser obra sua. Na realidade trata-se de uma calçada construída durante a ocupação romana, que integrava a via que ligava as duas principais cidades do ocidente peninsular à 2.000 anos, Braga e Mérida.

No topo da Calçada dos Galhardos, o percurso sobrepõe-se à GR 22 das aldeias históricas de Portugal. Um pouco afastado do caminho e à esquerda do caminhante, encontra-se um pequeno penhasco que o tempo moldou, dando-lhe a aparência da cabeça de um Faraó.

Mais à frente, um pequeno bosque misto, onde predominam Bétulas e Pseudotsugas, presenteia-nos com tantas cores quanto as estações do ano, sendo agradável no pico do sol, uma pequena paragem para um merecido repouso aproveitando as suas sombras.

Um pouco antes do sítio do “Jogo da Bola”, deixamos a estrada e apanhamos o trilho à esquerda que nos dará conta de uma outra calçada, também ela romana: “Calçada Romana da Serra de Baixo” também designada por “Pé da Serra”, que se inicia junto à mística “Pedra Furada”.

Já no fundo da encosta, cruzamos a Ribeira do Freixo e aí a calçada termina, fazendo-se o resto do percurso, por um caminho de terra batido até ao lugar designado por Moinhos do Forno, que dá acesso à antiga Vila de Folgosinho.