Viver > Resíduos Sólidos

Resíduos Sólidos

Renovação e Ampliação da Rede Municipal de Recolha Seletiva de Óleos Alimentares Usados (OAU)

O óleo alimentar usado (OAU) resulta da utilização de óleos de origem vegetal (azeite, óleo de girassol, óleo de soja) na preparação dos alimentos (fritura).

Este resíduo, produzido nas habitações domésticas, nas cantinas, nos restaurantes e nas indústrias alimentares deve ser tratado de forma a evitar impactos ambientais graves, de difícil resolução.

Em colaboração com a Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão (AMRPB) o Município de Gouveia promoveu a renovação e ampliação da rede municipal de recolha seletiva dos óleos alimentares usados, que passou pelo aumento do n.º de oleões instalados e substituição dos já existentes.

Os novos oleões, agora instalados, permitem que os utilizadores domésticos coloquem a embalagem onde o óleo é armazenado (garrafa ou garrafão plástico) dentro do próprio oleão o que veio simplificar a operação de deposição.

Os oleões instalados estão posicionados nos seguintes locais:

  • Avª dos Bombeiros Voluntários (Gouveia)
  • Rua de S. Miguel do Outeiro (Gouveia)
  • Bairro de S. Lázaro – Chões (Gouveia)
  • Rua Lopes da Costa (Gouveia)
  • Rua Emídio Navarro (Gouveia)
  • Ecocentro de Gouveia
  • Rua do Gorgulhão (Folgosinho)
  • Rua Dr. António Mendes (Vila Nova de Tazem)
  • Rua José Albano Tenório (Vila Nova de Tazem)

Todos os oleões foram instalados junto de ecopontos de forma a permitir a utilização simultânea de todos os contentores de recolha selectiva. Assim, a deslocação a estes locais de separação de resíduos permitirá ao munícipe separar o papel/cartão, plástico/ metal, vidro, resíduos têxteis e os óleos alimentares usados.

Os oleões serão despejados periodicamente e sempre que se encontrem cheios. O serviço será executado pela Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão que terá a responsabilidade de encaminhar o óleo alimentar usado para reciclagem.

Nos oleões não deverã ser depositados os óleos minerais provenientes da manutenção mecânica de máquinas e veículos. Estes óleos minerais, usados pelas empresas de mecânica automóvel, têm um circuito específico de tratamento, diferenciado dos oleões da rede pública de recolha de óleos alimentares usados.

O Município de Gouveia irá promover o aumento gradual do n.º de oleões, de forma a que todas as freguesias do concelho possam ter, pelo menos, um oleão que permita a recolha dos óleos alimentares usados.

Desta forma, todos poderemos contribuir para melhorar o ambiente, evitando a poluição dos cursos de água e os solos.

Serviço Eco linha – Recolha Gratuita de Monos

A Câmara Municipal de Gouveia disponibiliza aos munícipes, desde 2004, um serviço gratuito de recolha de “monos” – objetos que, pelo seu tipo, volume, forma ou dimensões, não possam ser removidos através dos meios normais de remoção e que fazem parte do interior de uma habitação (eletrodomésticos, colchões, mobiliário, etc.). 

Esta recolha é feita de forma gratuita, bastando para isso que o munícipe entre em contacto com a Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão, através do número verde 800 209 316, para acordar a data e o local de recolha.

Ilhas Ecológicas para Compostagem Comunitária 

O Município de Gouveia disponibiliza, desde março de 2023, cinco ilhas de compostagem comunitária para respetiva utilização na cidade de Gouveia, que os munícipes podem utilizar para depositar os resíduos orgânicos que produzem em sua casa.
 
As Ilhas Ecológicas para compostagem comunitária encontram-se implementadas em vários pontos da cidade: na Rua do Outeiro, na Avenida dos Bombeiros Voluntários de Gouveia (junto ao Mercado Municipal), na Urbanização Mira Serra, na Avenida Cidade da Covilhã (junto ao cemitério novo) e na Rua das Escolas (junto ao parque infantil).
Cada ilha ecológica integra 3 compostores individuais, com uma capacidade de 1 metro cúbico, para receber os bioresíduos verdes e castanhos e um quarto contentor para servir de apoio, onde será colocada a “fração seca” ou estilha, resultante das podas de árvores ou material lenhoso de grande dimensão.
 
A compostagem é um processo natural de reciclagem da matéria orgânica – resíduos provenientes da cozinha e jardim, por exemplo: restos de fruta e hortaliças, folhas, borras de café, cascas de ovos, etc. – em que os resíduos são transformados num material semelhante ao solo.
 
Este composto é um fertilizante natural rico em nutrientes que melhora o crescimento de jardins e hortas.
 
Como utilizar o compostor: 
1.º passo – Abra o contentor que se encontra em utilização
2.º passo – Deposite os seus resíduos no interior do contentor
 
 Localização 
– Rua do Outeiro
– Avenida dos Bombeiros Voluntários de Gouveia (junto ao Mercado Municipal)
– Urbanização Mira Serra
– Avenida Cidade da Covilhã (junto ao cemitério novo)
– Rua das Escolas (junto ao parque infantil).
 
Com esta iniciativa, o Município de Gouveia pretende sensibilizar a comunidade em geral para a adoção de boas práticas ambientais e para a importância da compostagem enquanto processo natural de reciclagem e reaproveitamento da matéria orgânica.

Tarifário do serviço de gestão de Resíduos Urbanos (RU’s) 2023

» Consulte o Tarifário