Home > Visitar > > Rota do Vale de Cadela

Rota do Vale de Cadela

O percurso pedestre do tipo Pequena Rota (PR) do Vale de Cadela é uma proposta para partir à descoberta da rica biodiversidade local enquadrada pelos diversos meio-ambientes que envolvem a cidade de Gouveia, num percurso circular de 12km.

Com início no Bosque do Curral do Negro, o percurso é acompanhado por uma série de painéis informativos que permitem uma breve interpretação da biodiversidade local em quatro momentos. Após a Tapada de Sta. Cruz, o percurso dirige-se à bucólica Mata da Câmara, onde ao chilrear da sazonal avifauna se mistura o burburinho da ribeira Ajax que nos acompanhará, até à entrada no perímetro urbano da cidade. Até lá vislumbramos as ruínas de antigos moinhos de rodízio e a Casa da Luz, relembrando-nos o importante papel deste vale no desenvolvimento de Gouveia, associado à produção de farinha, mas também à produção de energia que alimentavam a intensa indústria têxtil local, que se impôs como uma das mais importantes do país no decorrer da segunda metade do século XIX e a primeira do séc. XX.

Acompanhados por uma antiga levada de água, que ainda hoje alimenta os campos agrícolas construídos na encosta da ribeira, chegamos ao

perímetro urbano da cidade. Seguimos em direção à Mata da Cerca dos Marqueses e cruzamos o seu arcádio anfiteatro, para nos dirigirmos ao sítio da Burrachota, onde estão instalados o Parque Ecológico de Gouveia e o CERVAS, que merecem a visita demorada, antes de iniciar a técnica subida de regresso ao Curral do Negro. Já próximos do topo, um miradouro permite recuperar o fôlego e interiorizar a experiência multissensorial, através da observação, da introspeção ou do recolhimento espiritual, providenciados pelo sabor, cheiros e sons da Natureza amoldurados por uma soberba vista sobre a plataforma do Rio Mondego e a Beira Alta.

 

 

» Descarregue o folheto relativo ao percurso PDF