Sistema de Acompanhamento e Apoio Remoto à Decisão Operacional (Sarado), instala-se no Concelho de Gouveia 

 

Está em fase de conclusão a instalação de 1 das 17 torres de videovigilância para a deteção de incêndios rurais, instalada no “Rascão”, na União de Freguesias de Rio Torto e Lagarinhos, concelho de Gouveia, adquiridas pela Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIMBSE).

O Sistema de Acompanhamento e Apoio Remoto à Decisão Operacional (SARADO), é composto por 17 câmeras de videovigilância para incêndios florestais que cobrirá a quase totalidade do seu território.
O projeto representa um investimento de 753.900 euros e consiste na instalação de 17 torres com câmaras, com alcance de mais de 30 quilómetros, que irão cobrir a quase totalidade do território da comunidade intermunicipal.
O Sistema de Acompanhamento e Apoio Remoto à Decisão Operacional (SARADO), foi adquirido no âmbito da prevenção e gestão de riscos de incêndio, contempla a instalação de torres de videovigilância e de apoio à decisão, “que estarão ligadas a dois Centros de Gestão e Controlo, um na Guarda e outro em Castelo Branco. A aquisição deste sistema, foi apoiada em 85 por cento pelo Fundo de Coesão, através do Portugal 2020, no âmbito do POSEUR – Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos.