GOUVEIA RECEBEU HOJE A PRIMEIRA SEMENTEIRA AÉREA 

 

Gouveia recebeu hoje, pela manhã, a primeira acção de reflorestamento por via aérea da área ardida do concelho de Gouveia, que viu cerca de 14 mil hectares serem consumidos pelas chamas no fim-de-semana de 15 e 16 de novembro.

Esta é uma iniciativa da Take C'Air Crew Volunteers e da Replantar Portugal, inserida no projecto "Semear Portugal por Via Aérea", que abrange os concelhos de Gouveia, Mangualde, Oliveira do Hospital, Nelas, Tondela e Seia.
O projecto "Semear Portugal por Via Aérea" que consiste, numa primeira fase em semear gramíneas por via aérea, nas zonas afectadas pelos incêndios das zonas abrangidas, entre Guarda, Coimbra e Viseu.

Numa segunda fase será utilizada uma técnica japonesa, que consiste no lançamento de bolas de sementes utilizando aviões para o efeito.
Está técnica é já utilizada com sucesso em vários países, nomeadamente em Haiti, Africa, Hawai, e efectuada em Portugal em várias regiões nomeadamente em Braga e em São Pedro do Sul.
Essa técnica possui diversas vantagens, como:
-  proteger as sementes das intempéries,
-  evitar que as sementes sejam comidas por aves ou outros animais,
- fornecer nutrientes à semente logo após a sua germinação e até ao rompimento da bola.
Com as primeiras chuvas as Bolas de Sementes abrem-se, estando as sementes já aptas a se desenvolverem.
O reflorestamento e o combate à desertificação, com as bolas de sementes de Masanobu Fukuoka também se mostraram altamente eficazes, tanto para a disseminação de espécimes de plantas em áreas públicas (como parques, beiras de estradas), como em grandes projetos de reflorestamento como a nossa proposta.

Este projecto é uma iniciativa da Take C'Air Crew Volunteers e da Replantar Portugal, um movimento cívico que tem desenvolvido várias ações de educação ambiental, iniciativas de replantação de áreas ardidas com plantas herbáceas, arbustivas e árvores autóctones a par de várias ações de voluntariado social e ambiental, numa parceria com a Quercus, uma associação independente, apartidária, de âmbito nacional, sem fins lucrativos com o interesse pela conservação da natureza e dos recursos naturais e na defesa do ambiente em geral, numa perspectiva de desenvolvimento sustentado e com a Avitrata, sendo a Avitrata um Operador de trabalhos aéreos certificada para realizar sementeiras, adubações e aplicação de herbicidas, assim como para o combate a fogos por via aérea, existente desde os anos setenta.



 Break Webpart